10/11/2010



És algo novo que apareceu, mudaste a minha rotina, mudaste a minha forma de pensar sobre ti. És diferente como falas, como sentes, como demonstras, como aplicas magia aos momentos, como abraças, como beijas. Apenas és diferente ao outro, que de alguma forma tem uma semelhança, a semelhança de escutar o coração no silêncio das palavras. E por seres diferente em tudo que me restava, acho te tão especial e atraente. Mas o que sinto por ti, também é diferente, não há emoção, o meu sangue já não envolve o mesmo calor, os meus olhos já não são húmidos e o meu coração já não sabe amar.
Sinto que algo está a crescer, espero que não seja demasiado grande, o suficiente para te sentir e não me magoar.

7 comentários:

  1. Não compares, custa sempre mais saber que nunca amamos como na primeira vez :x

    ResponderEliminar
  2. Ouh querida o teu texto está tão giro :$ . Good Luck , Beijinhos *

    ResponderEliminar
  3. está tão sentido, está mesmo bonito!
    «Sinto que algo está a crescer, espero que não seja demasiado grande, o suficiente para te sentir e não me magoar.» está lindo! :o

    ResponderEliminar

Obrigada pelo teu comentário! As críticas fazem-me crescer e os elogios não me sobem o ego, simplesmente me fazem continuar a escrever ainda mais :)