14/05/2011

Arrepio!


Tenho uma sensação que ultrapassa o resistir, passa por toda a pele e por todo o meu estômago, faz comichão e estremece todos os meus membros. Deixa me malvado arrepio, sei que não é dor, pois não magoa, mas provoca inquietação durante mais tempo e várias vezes durante o dia. Por agora, permanece uma miragem no pensamento, por causa da presença do incrível olhar.
Já é tempo, lá vens tu arrepio, não quero, mas sabes que eu não suporto, eu volto a cair na tua armadilha. Eu tento, uso as forças mais persistentes, mas ACABO no teu poder de criar a sensação que me leva a ir contigo pela tua felicidade óbvia.


Sou o teu alvo frágil e fácil de atrair, mas agora acredita que isso acabou, já não é mais nenhum arrepio que me vai causar mais angústia por ti.

4 comentários:

  1. Já tinha saudades de te ler Mariana. Adorei o texto, muita força*

    ResponderEliminar
  2. Não desistas Marianinha, força :D

    ResponderEliminar
  3. Gostei do sentimento expresso nas palavras :)

    ResponderEliminar

Obrigada pelo teu comentário! As críticas fazem-me crescer e os elogios não me sobem o ego, simplesmente me fazem continuar a escrever ainda mais :)